Papa Francisco abençoou o mundo e concedeu indulgência plenária frente ao coronavírus