Conferência Episcopal relata 95 ataques a igrejas nos EUA desde maio de 2020

Pelo menos 95 incidentes de vandalismo contra igrejas católicas foram relatados nos Estados Unidos desde maio de 2020, segundo relatório do Comitê de Liberdade Religiosa da Conferência de Bispos Católicos dos Estados Unidos (USCCB). Os incidentes incluem incêndio criminoso, destruição de estátuas e pichações com suásticas e linguagem anticatólica em edifícios de igrejas e lápides.

 

Capela de tribunal do Ceará sobrevive intacta a incêndio

A capela Nossa Senhora de Fátima, no 1º andar da sede do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará (TJCE), ficou intacta após o incêndio que atingiu o prédio no dia 6 de setembro. “Certamente a interferência divina protegeu a capela de ser tragada pelas chamas”, disse a presidente do tribunal, a desembargadora Maria Nailde Pinheiro Nogueira.

 

Pandemia afeta trabalho caritativo na Igreja, diz ACN

A Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre (ACN) sofreu diversas mudanças em seu trabalho caritativo por causa das restrições impostas para combater a pandemia de covid-19. Segundo a entidade, além de queda no apoio a projetos, as medidas sanitárias também levaram à paralisação das visitas de seus representantes aos projetos realizados em todo o mundo.

 

Líder pró-vida contesta que Suprema Corte descriminalizou o aborto no México

Meios de comunicação do México e de outros países disseram que a Suprema Corte de Justiça da Nação (SCJN) descriminalizou o aborto em todo o México. A Suprema Corte declarou inválido, neste 7 de setembro, artigos que se referem à pena de prisão para as mulheres que abortam voluntariamente, e profissionais de saúde que as ajudem.

Grito deve ser de indignação por causa do aborto no México, diz bispo

Para a celebração do “Grito de Dolores”, com que o México comemora o início da luta pela independência em 16 de setembro, o bispo de Apatzingán, dom Cristóvão Ascencio García, disse: “devemos gritar do lugar onde estamos, mas hoje, com um grito de indignação” pelas decisões da Suprema Corte de Justiça da Nação (SCJN) a favor do aborto.