Muçulmanos espancaram e torturam um professor no Paquistão, apenas por ser católico