Monjas beneditinas viverão em “contêiner” de clausura