Graças ao terço, sobreviveu à prisão e às drogas, agora lidera projeto de oração

Por Giselle Vargas
Khristian Briones/ Cortesia: Khristian Briones