‘Estávamos entre os mortos e ressuscitamos’, diz o padre 1 ano após explosão em Beirute

Igreja em Beirute depois da explosão de 4 de agosto de 2020 / Crédito: ACN / P. Mouawad