Cristãos indignados se pronunciam contra uso de símbolos sagrados em Parada LGBT de São Paulo

Por Natalia Zimbrão