Advogados cristãos pedem aos EUA que condenem ataques contra armênios

Bandeira da Armênia. Crédito: Pixabay