ACN: 2019 foi um dos anos mais sangrentos da história para cristãos

Foto referencial. Crédito: Pixabay