Um ano após escândalo, bispo acusado de encobrir abusos renunciou

Dom Richard Malone. Crédito: Daniel Ibáñez / ACI Prensa