Papa Francisco lamenta "deformações monstruosas" da liturgia

Papa Francisco / Daniel Ibáñez (ACI Prensa)