Papa Francisco espera que acordo com a China resolva "questões de interesse comum"

Papa Francisco e a bandeira chinesa. Foto: Vatican Media / Unsplash