Farmacêuticos dos EUA confirmam que pílula do dia seguinte é abortiva