Em Cuba, cardeal americano pede indulto para os presos em protestos

O cardeal Sean O'Malley e Miguel Díaz-Canel / Crédito: Miguel Díaz-Canel