Cristãos são cidadãos de segunda classe no norte da Nigéria, diz fundação pontifícia

Um grupo de cristãos na Nigéria / ACN