Cristãos nigerianos “não temem ao Islã”, afirma perita