Com cerca de 3 milhões de visualizações série desbanca o mito da superpopulação: “Basta fazer as contas!