Vereador que invadiu igreja em protesto perde mandato em Curitiba

Renato Freitas durante protesto em fevereiro deste ano / Instagram