Atacam igreja com pichações feministas com alusão à Virgem e ao aborto