Arcebispo retorna à Bielorrússia após ser exilado pelo governo por mais de 100 dias

Dom Mogilev Tadeusz Kondrusiewicz. Crédito: Cortesia de Catholic.by / Vitaly Palinevsky