Arcebispo lembra a juizes que a Constituição espanhola garante liberdade religiosa