Últimas Notícias:

O Papa acolheu em 2004 no Vaticano mais dois milhões de peregrinos

João Paulo II se encontrou durante o ano de 2004 com mais de dois milhões de fiéis no Vaticano, conforme anunciam as  estatísticas publicadas pela Santa Sé.

Estes números não contam as centenas de milhares de pessoas que foram para ver o Papa em suas duas viagens internacionais desse ano, em particular a Lourdes (França), em maio. Em 2004, o Papa também teve a oportunidade de viajar à Berna (Suíça) para encontrar-se com os jovens católicos desse país.

Estas cifras tampouco consideram os 250.000 peregrinos, em boa parte da Ação Católica, que participaram em setembro da viagem apostólica do Papa a Loreto (Itália).

Conforme informou no fim do ano a prefeitura da Casa Pontifícia em um comunicado, «no curso do ano solar de 2004, mais de 2.200.000 fiéis e peregrinos participaram dos encontros públicos com o Santo Padre».

Segundo as estatísticas oferecidas por esta instituição vaticano, nas 48 audiências gerais concedidas as quartas-feiras pelo Papa em 2004 participaram um total de 504.600 pessoas.

Por outra parte, nas «audiências especiais», concedidas a grupos de peregrinos dos cinco continentes, o bispo de Roma recebeu nos últimos doze meses  197.200 pessoas.

Nas celebrações litúrgicas presididas pelo Papa no último ano, a participação de peregrinos foi de 523.000.

Por último, os peregrinos que em 2004 foram à praça  São Pedro do Vaticano em festas ou domingos para rezar com o Papa a oração Mariana do Ângelus foram no total: 1.007.000.

Atualizado: 03 de janeiro de 2005


Um Pontificado recorde e pionero

Às vésperas do 26º aniversário da eleição do Santo Padre, a Prefeitura da Casa Pontifícia publicou as cifras relativas às audiências papais. Em 16 de outubro da 2004 o Papa celebra o 26º aniversário de seu Pontificado.

Até a data (14 Outubro 2004), o Papa João Paulo II recebeu  1.512.300 pessoas; 387.100 nas audiências gerais das quartas-feiras, 140.200 em audiências particulares, 368.000 nas cerimônias litúrgicas e 617.000 no Ângelus dos domingos.

Desde 16 de outubro de 1978 até 14 de outubro de 2004, o Santo Padre recebeu  426 chefes de Estado, reis e rainhas, 187 primeiros ministros, 190 ministros de Exteriores e recebeu as cartas credenciais de 642 embaixadores.


Recorde histórico em quilômetros percorricos e discursos realizados

1. República Dominicana I, México I, Bahamas: Janeiro 1979 (7 dias, 36 discursos, 23.710 km.).

2. Polônia I: Junho 1979 (8 dias, 36 discursos, 3.815 km.).

3. Irlanda, Estados Unidos I: Setembro 1979 (9 dias, 76 discursos, 18.093 km.).

4. Turquia: Novembro 1979 (2 dias, 12 discursos, 3.785 km).

5. Zaire I, Congo, Quênia I, Gana, Alto Volta (atualmente Burkina Faso) I, Costa do Marfim I: Maio 1980 (10 dias, 72 discursos, 18.914 km.).

6. França I: Maio 1980 (3 dias, 30 discursos, 2.509 km.).

7. Brasil I: Junho 1980 (12 dias, 51 discursos, 27.673 km.).

8. Alemanha I: Novembro 1980 (4 dias, 29 discursos, 2.880 km.).

9. Paquistão, Filipinas I, Guam (EUA II), Japão, Anchorage (EUA II): Fevereiro 1981 (11 dias, 60 discursos, 35.120 km.).

10. Nigéria I, Benin, Gabão, Guiné Equatorial: Fevereiro 1982 (7 dias, 44 discursos, 14.734 km.).

11. Portugal I: Maio 1982 (3 dias, 22 discursos, 4.433 km.).

12. Grã-Bretanha: Maio 1982 (5 dias, 27 discursos, 4.880 km.).

13. Rio de Janeiro (Brasil II), Argentina I: Junho 1982 (2 dias, 8 discursos, 26.904 km.).

14. Genebra (Suíça I): Junho 1982 (15 horas, 10 discursos, 1.412 km.).

15. Sam Marino: Agosto 1982 (5 horas, 3 discursos, 235 km.).

16. Espanha I: Outubro 1982 (9 dias, 48 discursos, 7.269 km.).

17. Lisboa (Portugal II), Costa Rica, Nicarágua I, Panamá, El Salvador I, Guatemala I, Honduras, Belize, Haiti: Março 1983 (8 dias, 44 discursos,
24.009 km.).

18. Polônia II: Junho 1983 (7 dias, 23 discursos, 3.597 km.).

19. Lourdes (França II): Agosto 1983 (1 dia, 14 discursos, 2.096 km.).

20. Áustria I: Setembro 1983 (3 dias, 20 discursos, 1.735 km.)

21. Fair Banks (EUA III), República da Coréia I, Papúa Nova Guiné I, Ilhas Salomão, Tailândia: Maio 1984 (9 dias, 46 discursos, 38.441 km.)

22. Suíça II: Junho 1984 (5 dias, 36 discursos, 2.218 km.)

23. Canadá I: Setembro 1984 (11 dias, 50 discursos, 26.843 km.).

24. Zaragoza (Espanha II), São Domingos (República Dominicana II), San Juan (Porto Rico): Outubro 1984 (2 dias, 10 discursos, 16.827 km.).

25. Venezuela I, Equador, Peru I, Trindade e Tobago: Janeiro 1985 (11 dias, 50 discursos, 29.821 km.).

26. Países Baixos, Luxemburgo, Bélgica I: Maio 1985 (10 dias, 59 discursos, 4.721 km.).

27. Togo, Costa do Marfim II, Camarões I, República África Central, Zaire II, Quênia II, Marrocos: Agosto 1985 (11 dias, 44 discursos, 25.431 km.).

28. Kloten (Suíça III), Liechtenstein: Setembro 1985 (15 horas, 8 discursos, 1.580 km.).

29. Índia: Janeiro 1986 (10 dias, 41 discursos, 20.252 km.).

30. Colômbia, Santa Luzia: 1 - 8 de Julho de 1986 (7 dias, 35 discursos, 21.127 km.).

31. França III: Outubro 1986 (3 dias, 27 discursos, 2.031 km.).

32. Bangladesh, Singapura, Fiji, Nova Zelândia, Austrália I, Seichelles: Novembro 1986 (13 dias, 57 discursos, 48.974 km.).

33. Uruguai I, Chile, Argentina II: Março 1987 (13 dias, 63 discursos, 36.613 km.).

34. Alemanha II: Abril 1987 (4 dias, 22 discursos, 3.169 km.).

35. Polônia III: Junho 1987 (6 dias, 27 discursos, 4.559 km.).

36. EUA IV, Fort Simpson (Canadá II): Setembro 1987 (11 dias, 48 discursos, 30.465 km.).

37. Uruguai II, Bolívia, Lima (Peru II), Paraguai: Maio 1988 (12 dias, 54 discursos, 34.420 km.).

38. Áustria II: Junho 1988 (4 dias, 20 discursos, 2.503 km.).

39. Zimbabwe, Botswana, Lesotho, Swazilandia, Moçambique: Setembro 1988 (9 dias, 43 discursos, 20.559 km.).

40. França IV: Outubro 1988 (3 dias, 2 discursos, 2.222 km.).

41. Madagascar, A Reunião, Zâmbia, Malawi: Abril 1989 (9 dias. 36 discursos, 21.712 km.).

42. Noruega, Islândia, Finlândia, Dinamarca, Suécia: Junho 1989 (9 dias, 38 discursos, 11.986 km.).

43. Santiago de Compostela, Astúrias (Espanha III): Agosto 1989 (2 dias, 9 discursos, 3.908 km.).

44. Seúl (República da Coréia II), Indonésia, (Timor Leste), Mauricio: Outubro 1989 (10 dias, 28 discursos, 39.047 km.).

45. Cabo Verde, Guiné-Bissau, Malí, Burkina Faso II, Chade: Janeiro 1990 (7 dias, 36 discursos, 14.384 km.).

46. Tchecoslováquia I: Abril 1990 (1 dia, 10 discursos. 2.133 km.).

47. México II, Curaçao: Maio 1990 (8 dias, 26 discursos, 29.233 km.).

48. Malta I: Maio 1990 (2 dias, 12 discursos, 1.537 km.).

49. Luqa (Malta II), Tanzânia, Burundi, Ruanda, Yamoussoukro (Costa do Marfim III): Setembro 1990 (9 dias, 41 discursos, 18.737 km.).

50. Portugal III: Maio 1991 (3 dias, 12 discursos, 8.957 km.).

51. Polônia IV: Junho 1991 (8 dias, 39 discursos, 4.581 km.).

52. Czestochowa (Polônia V), Hungria: Agosto 1991 (7 dias, 28 discursos, 4.487 km.).

53. Brasil III: Outubro 1991 (9 dias, 31 discursos, 20.599 km.).

54. Senegal, Gâmbia, Guiné: Fevereiro 1992 (8 dias, 26 discursos, 10.010 km.).

55. Angola, São Tomé e Príncipe: Junho 1992 (6 dias, 2 discursos, 16.780 km.).

56. República Dominicana III: Outubro 1992 (5 dias, 16 discursos, 15.114 km.).

57. Benin II, Uganda, Jartum (Sudão): Fevereiro 1993 (7 dias, 28 discursos, 15.331 km.).

58. Albânia: Abril 1993 (14 horas, 4 discursos, 1.402 km.).

59. Espanha IV: Junho 1993 (5 dias, 17 discursos, 3.438 km.).

60. Jamaica, Mérida (México III), Denver (EUA V): Agosto 1993 (7 dias, 22 discursos, 20.722 km.).

61. Lituânia, Letônia, Estônia: Setembro 1993 (6 dias, 30 discursos, 5.359 km.).

62. Zagreb (Croácia): Setembro 1994 (1 dia, 5 discursos, 1.314 km.).

63. Manila (Filipinas II), Port Moresby (Papúa Nova Guiné II), Sidney (Austrália II), Colón (Sri Lanka): Janeiro 1995 (10 dias, 30 discursos, 33.415 km.).

64. Praga, Olomouc (República Tcheca I), Skoczow, Bielsko Biala, Zywiec (Polônia VI), Ostrava (República Tcheca I): Maio 1995 (2 dias, 11 discursos, 2.315 km.).

65. Bélgica II: Junho 1995 (2 dias, 7 discursos, 2.362 km.).

66. República Eslovaca I: Junho 1995 (3 dias, 11 discursos, 2.642 km.).

67. Yaoundé (Camarões II), Johanesburgo-Pretoria (República Sul Africana, Nairobi (Quênia III): Setembro 1995 (6 dias, 13 discursos, 16.782 km.).

68. Newark, Nova Iorque, Nações Unidas, Yonkers, Baltimore (EUA VI): Outubro 1995 (4 dias, 15 discursos, 14.488 km.).

69. Guatemala II, Nicarágua II, El Salvador II, Venezuela II: Fevereiro 1996 (6 dias, 22 discursos, 24.061 km.).

70. Tunísia: Abril 1996 (12 horas, 6 discursos, 1.282 km.).

71. Eslovênia: Maio 1996 (2 dias, 8 discursos, 1.714 km.).

72. Alemanha III: Junho 1996 (2 dias, 9 discursos, 2.573 km.).

73. Hungria II: Setembro 1996 (2 dias, 7 discursos, 1.891 km.).

74. França V: Setembro 1996 (3 dias, 12 discursos, 3.712 km.).

75. Sarajevo (Bosnia-Herzegovina): Abril 1997 (2 dias, 11 discursos, 1.062 km.).

76. República Tcheca II: Abril 1997 (2 dias, 8 discursos, 2.093 km.).

77. Beirute (Líbano): Maio 1997 (2 dias, 5 discursos, 4.489 km.).

78. Polônia VII: Maio 1997 (10 dias, 26 discursos, 3.878 km.).

79. Paris II (França VI): Agosto 1997 (3 dias, 11 discursos, 2.449 km.).

80. Rio de Janeiro (Brasil IV): Outubro 1997 (4 dias, 8 discursos, 18.394 km.).

81. Cuba: Janeiro 1998 (5 dias, 12 discursos, 18.576 km.).

82. Nigéria II: Março 1998 (2 dias, 7 discursos, 8.772 km.).

83. Áustria III: Junho 1998 (2 dias, 10 discursos, 2.052 km.).

84. Croácia II: Outubro 1998 (2 dias, 9 discursos, 1.330 km.).

85. Cidade do México (México), St.Louis (EUA): Janeiro 1999 (6 dias, 13 discursos, 21.502 km.).

86. Romênia: Maio 1999 (3 dias, 9 discursos, 2.640 km.)

87. Polônia VIII: Junho 1999 (12 dias, 30 discursos, 5.484 km.)

88. Eslovênia II: Setembro 1999 (1 dia, 3 discursos, 1.500 km.)

89. Nova Delhi (Índia), Georgia: Novembro 1999 (5 dias, 10 discursos, 12.621 km.).

90. Peregrinação Jubilar ao Monte Sinai: Fevereiro 2000 (3 dias, 4 discursos, 4.912 km.).

91. Peregrinação Jubilar à Terra Santa: Março 2000 (7 dias, 14 discursos, 5.626 km.).

92. Fátima (Portugal IV): Maio 2000 (2 dias, 1 discurso, 4.174 km.).

93. Grécia, Síria, Malte III: Maio 2001 (5 dias, 19 discursos, 5.223 km.).

94. Ucrânia: Junho 2001 (5 dias, 11 discursos, 4.022 km.).

95. Cazaquistão, Armênia: Setembro 2001 (6 dias, 13 discursos, 9.722 km.).

96. Azerbaijão, Bulgária: Maio 2002 (5 dias, 11 discursos, 6.511 km.).

97. Toronto (Canadá III), Cidade da Guatemala (Guatemala III), Cidade do México (México V): Julio-Agosto 2002 (8 dias, 11 discursos, 22.226 km.).

98. Polônia IX: Agosto 2002 (4 dias, 6 discursos, 2.653 km.).

99. Espanha V: Maio 2003 (2 dias, 3 discursos, 2.724 km.).

100. Croácia III: Junho 2003 (5 dias, 6 discursos, 2.392 km.)

101. Bósnia Herzegovina II: Junho 2003 (1 dia, 3 discursos, 996 km.).

102. República Eslovaca II: Setembro 2003 (4 dias, 7 discursos, 2.756 km.)

*Esta informação é uma cortesia do Serviço de Informação Vaticano - VIS.
Atualizado até setembro de 2003

:: Viagems de João Paulo II


Os 25 anos de serviço do Papa João Paulo II se caracterizaram pelas cifras mais surpreendentes e muitas "primeiras vezes". Aqui encontrará os recordes que fazem deste um Pontificado histórico.

Com 25 anos, João Paulo II tem o 3º Pontificado mais longo da história.
Somente dois Papas estiveram à cabeça da Igreja durante um período mais longo: Pio IX (31 anos, 7 meses, 21 dias) e São Pedro,  cujo pontificado não se sabe a duração exata, segundo os historiadores da Santa Sé este durou entre 34 e 37 anos.

Em 17 de março de 2004, o Santo Padre completou 25 anos, cinco meses e um dia no trono de São Pedro, superando assim a duração do pontificado de Leão XIII (1878-1903). Desta maneira, somente São Pedro e o Papa Pio IX terão pontificados mais longos que este Pontífice. Pio IX conduziu a Igreja por 31 anos, sete meses e duas semanas, desde 1846 até 1878.

O Cardeal Karol Wojtyla, Arcebispo de Cracóvia, foi eleito Papa em 16 de outubro de 1978, aos 58 anos. Tornou-se o Pontífice mais jovem do século e o primeiro não italiano desde o holandês Adriano VI (1552).

> Os 5 Pontificados mais longos da história são:

1. São Pedro
(32-67)

2. Pio IX
31 anos e 7 meses

3. João Paulo II
Em 17 de março de 2004 fez 25 anos, 5 meses e 1 dia de papado

4. Leão XIII
(1878-1903) 25 anos

5. Pio VI
(1775-99) 24 anos e 6 meses.

Em todo seu Pontificado, João Paulo II realizou 104 visitas pastorais fora da Itália, a última foi ao Santuário de Lourdes em agosto de 2004. Fez 146 visitas pastorais na Itália, sem levar em conta as efetuadas a diversas instituições de sua diocese de Roma. A última visita dentro da Itália foi ao santuário de Loreto, realizada em 5 de setembro do 2004. percorreu mais de um milhão 300 mil quilômetros, o que representa quase 29 vezes a volta à Terra e quase três vezes a distância entre a Terra e a lua. É o Papa mais viajante da história com 133 países, a maior parte dos quais receberam pela primeira vez  um Pontífice.

Escreveu 14 encíclicas, 13 exortações apostólicas, 11 constituições apostólicas, 42 cartas apostólicas e 28 Motu proprio.

Proclamou 1.320 beatos em 143 cerimônias de beatificação. Além disso, canonizou 472 Santos.

Convocou 9 consistórios para a criação de cardeais e nomeou 232 cardeais. O último consistório foi celebrado em 21 de outubro de 2003.

Celebrou mais de mil audiências gerais semanais, e recebeu a 17 milhões de fiéis de todo o mundo. A isto terá que acrescentar os encontros e audiências com diversos grupos e figuras políticas, entre eles chefes de Estado e primeiros ministros, que superam os 1.500.

Deu mais de 20 mil discursos. sofreu 6 operações. Em uma delas lhe cortaram 2.5 metros de intestino.

*Dados atualizados a maio 2004


Um Papa Pioneiro (dados gerais)

João Paulo II foi o primeiro Papa a visitar uma sinagoga (Roma, abril de 1986); uma mesquita (Grande Mesquita Omeya de Damasco, maio 2001); deu coletivas de imprensa nos aviões e na Sala de Imprensa da Santa Sé (24 janeiro 1994); publicou livros de prosa e poesia; residiu em um hotel em lugar de em uma nunciatura apostólica durante suas viagens (Hotel Irshad no Baku, Azerbaijão, maio 2002); acrescentou cinco novos mistérios ao Rosário (outubro 2002);  disse Missa em um hangar de aviões (Aeroporto de Fiumicino, Roma, dezembro 1992); convocou uma Jornada de Perdão (Ano Jubilar 2000).

Foi também o primeiro Papa a entrar  na cela de uma prisão ao encontrar-se em dezembro de 1983 com o Ali Agca, o turco que atentou contra sua vida em maio de 1981; celebrou Missa na comunidade católica mais ao norte do mundo, a 350 quilômetros. do Círculo Polar Artico (Tromso, Noruega, 1989); utilizou uma letra (a letra M de María) em seu brasão papal, quando normalmente as regras da heráldica autorizam a empregar palavras ao redor do brasão, mas não dentro dele.


< RECOMIENDE ESTA PÁGINA >

| PAGINA PRINCIPAL DA ACI DIGITAL | MENU DA HOMENAGEM |

| Apologética | Arquivo de Notícias | Banco de imagens | Bíblia | Biografias | Cardeais | Cónclave |
| Controvérsia | Documentos eclesiais | Festas Litúrgicas | Igreja | Orações |
| Reportagens católicos | Sacramentos | Santos | Vida |
| ENCICLOPEDIA CATÓLICA | TODO O MATERIAL |