Carregando...
Vaticano rechaça as declarações de líder lefebvrista: Judeus não são inimigos da Igreja

Pe. Federico Lombardi

ROMA, 09 Jan. 13 / 02:30 am (ACI).- O Diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, Pe. Federico Lombardi, rechaçou as declarações realizadas pelo Superior Geral da Fraternidade Sacerdotal São Pio X (FSSPX - lefebvristas), Bernard Fellay, quem chamou os judeus de "inimigos da Igreja".

Em suas declarações emitidas desde a Academia de Nossa Senhora do Monte Carmelo, em New Hamburg, Ontario (Canadá), Fellay responsabilizou os judeus de estar por trás da exigência que a Santa Sé faz à FSSPX para que aceite o Concílio Vaticano II, e destacou que o apoio dos líderes judeus ao Concílio demonstra que "o Vaticano II é assunto deles, não da Igreja".

Por sua parte, em 8 de janeiro o Pe. Lombardi recordou em declarações à imprensa que Fellay não pode falar em nome da Igreja e precisou que é absolutamente impossível falar do povo judeu como "inimigos da Igreja", já que segundo a tradição dos Papas e da Igreja, seu compromisso é procurar o diálogo inter-religioso.

Sem entrar em detalhes sobre as declarações de Fellay, o porta-voz do Vaticano sublinhou que a relação da Igreja com o povo judeu é de "unidade e caridade", e isto se expressa de maneira particular no Concílio Vaticano II, mais concretamente na Nostra Aetate, um dos documentos que os lefebvristas rejeitam.

Conforme assinala a Rádio Vaticano, o porta-voz também recordou que, ao longo da história, os Papas demonstraram com frequência palavras e atos dirigidos a fomentar o diálogo com o povo judeu, assim como para com outras religiões.

É o caso da visita do Beato João Paulo II e do Papa Bento XVI ao Muro das Lamentações de Jerusalém (Israel), ou as visitas de Bento XVI às sinagogas de Colônia (Alemanha) no ano 2005, Nova Iorque em 2008, e Roma em 2010, nas quais foi bem recebido.

Para animar à reconciliação entre a FSSPX e a Igreja, em 21 de janeiro de 2009 Bento XVI decidiu levantar a excomunhão que pesava sobre os quatro bispos ordenados por Lefebvre em 1988: Bernard Fellay, Richard Williamson, Alfonso de Galarreta e Tissier de Mallerais.

Em 4 de fevereiro de 2009, a Secretaria de Estado Vaticano indicou em um comunicado que os quatro bispos estão obrigados ao "pleno reconhecimento do Concílio Vaticano II" e do Magistério de todos os Papas posteriores a Pio XII.

Dois anos mais tarde, em 14 de setembro de 2011, a Congregação para a Doutrina da Fé entregou à FSSPX um preâmbulo doutrinal contendo "alguns princípios doutrinais e critérios de interpretação da doutrina católica, necessários para garantir a fidelidade ao Magistério da Igreja e o 'sentire cum Ecclesia' (sentir com a Igreja)".

Depois do inicial rechaço dos lefebvristas, em fevereiro de 2012 a Pontifícia Comissão Ecclesia Dei, encarregada do diálogo com a FSSPX, anunciou estes que pediram "um tempo adicional de reflexão e estudo" para analisar o preâmbulo doutrinal.

?

Etiquetas: judeus, lefebvristas

* Obrigado por seu comentário. O número de mensagens que podem estar online é limitado. A tamanho dos comentários não deve exceder a 1500 caracteres. ACI Digital se reserva ao direito de publicação das mensagens segundo sua idoneidade e teor. ACI Digital não se solidariza necessariamente com os comentários nem as opiniões expressas por seus usuários.

RECOMENDAMOS »

Abr
17

Católico em dia

17 de abril de 2014

  • Você sabia que: O Alfa e o Ômega são a primeira e última letras do alfabeto grego e se utilizam para simbolizar a eternidade de Deus e a divindade de Cristo, princípio e fim.

Videos

A falta de oração leva à mediocridade espiritual
A falta de oração leva à mediocridade espiritual
Papa Francisco: Nem a doença, nem a morte, poderá nos separar de Cristo
O Papa: A Igreja é a casa da Alegria
A comunhão fraterna leva à comunhão com Deus, diz o Papa
O Papa no Encontro Mundial das Famílias: Viver a Reconciliação Sempre
Maria é modelo de caridade e união com Cristo, destaca o Papa
Francisco exorta a rezar sempre sem jamais cansar-se
Rezar e anunciar o Evangelho é tarefa de todo cristão, afirma Francisco
Deus, nossa força, nos surpreende e nos pede sermos fiéis
O verdadeiro cristão segue o Senhor até a Cruz
A fé é a respiração da alma
Papa Francisco sobre Naufrágio em Lampedusa: uma vergonha!
Deus sempre acompanha a humanidade ao longo da história
Bento XVI: Jesus nos mostra o rosto de Deus
Bento XVI recorda que devemos ser sinais da ação de Deus no mundo
Bento XVI: é urgente falar de Deus no mundo atual
Bento XVI: Deus não é um absurdo embora seja sempre um Mistério
Bento XVI fala de três vias para que o coração do homem chegue a Deus
O homem, mendigo de Deus: catequese de Bento XVI
A fé nunca é um ato puramente individual, destaca Bento XVI
Bento XVI: Não nos basta a ciência, é a fé que nos sustenta
Bento XVI: a plenitude humana consiste no amor
Missa de abertura do Ano da Fé
Bento XVI: O concílio e a beleza da nossa fé
A oração jamais pode ser feita de modo individualista

Podcast

Evangelho do dia

Lucas 24, 1-12

Evangelho
Data
03/30/14
03/29/14
03/28/14

Homilia do dia

Lucas 18,9-14

Homilia
Data
03/29/14
03/28/14
03/27/14

Mais Popular

  Assinar 
Cancelar Assinatura
  

Siga-nos: