Papa reconhece martírio de 6 cistercienses assassinados na Itália

Abadia de Casamari, local onde ocorreu o martírio. Foto: Domínio público