Os católicos podem ajudar a ONU a defender seus princípios, assegura Núncio

Foto referencial. Crédito: Pixabay