O Papa recorda que a vida é um dom que deve ser protegido por crentes e não crentes