Jim Caviezel: Ser Jesus no filme A Paixão "arruinou minha carreira", mas não me arrependo

Jim Caviezel e João Paulo II