Jihadistas destruíram cerca de 16 igrejas e santuários cristãos na Síria