Estado deve defender a vida especialmente dos mais débeis, diz Cardeal italiano

Cardeal Angelo Bagnasco