Esquecimento de Deus gera violência, diz o Papa ao Corpo Diplomático