Cardeal Herranz assegura que há mais mártires atualmente que em qualquer momento da história

Cardeal Julián Herranz Casado.