Carregando...

Notícias do 21 de Julho de 2006

Família Sodálite inicia campanha para redescobrir importância da Missa dominical

LIMA, 21/07/2006 (ACI).- Diante da escassa assistência à Missa dominical em muitos lugares da América Latina, a Família Sodálite iniciou uma campanha para que os católicos redescubram a importância da Missa em suas vidas e assistam para encontrar-se com Jesus, verdadeiramente presente na Eucaristia.

Sob o lema "A Missa é o coração do Domingo", que condensa a mensagem do Papa João Paulo II na Dies Domini e que se inspira no pensamento de Luis Fernando Figari, leigo consagrado peruano e Fundador da Família Sodálite, a campanha busca destacar que a participação na celebração da Missa aos domingos tem um profundo sentido teológico, eclesiológico e espiritual para todos os membros da Igreja.

Em outubro do ano passado em Roma, durante sua participação como auditor do Sínodo de Bispos, Figari refletiu sobre a importância pastoral de lembrar que "o Domingo é o Dia do Senhor, porque o magno dom da Eucaristia é um tesouro para a Igreja e para o mundo".


Bispos mexicanos lançam semana de oração pela reconciliação nacional

MEXICO D.F., 21/07/2006 (ACI).- Graças a uma iniciativa dos bispos do país, de 31 de julho a 6 de agosto, os católicos mexicanos se unirão em oração pela reconciliação nacional, em meio às tensões despertadas pelos estreitos resultados das eleições presidenciais.

Na convocação para a Jornada de Oração pela Reconciliação, a Concórdia e a Paz, os bispos explicam que "além das diferenças ideológicas, compartilhamos uma história, valores, um destino que agora está em jogo neste processo. Embora, em uma família cabem legitimamente as diferenças e divergências, não é concebível o ódio, e muito menos a violência que sempre é imperdoável e estéril".

"A Igreja Católica pede a todas as mulheres e homens de boa vontade, respeitar a lei e trabalhar pela reconciliação, o diálogo e o entendimento; faz um premente chamado à serenidade, à tolerância e à moderação. Exige às autoridades atuar com verdade e justiça, e pede às forças políticas comportar-se com maturidade, generosidade e honestidade", indicaram.

Do mesmo modo, advertiram que "depois de que o México celebrou a jornada eleitoral mais disputada de sua história democrática, todos os mexicanos gostariam de ter tido um resultado do processo sem maiores complicações; entretanto, o encerramento dos resultados -de maneira particular no que se refere à eleição para a Presidência da República- deu lugar a impugnações e questionamentos que feriram fortemente a instituições consideradas por todos, como o suporte e a garantia de nossa nascente democracia".

Também recordaram que "concluiu-se a contagem de votos, mas falta a classificação legal do processo; só então teremos um Presidente eleito. Estas tarefas correspondem ao Tribunal Eleitoral do Poder Judicial da Federação, que deverá tomar suas decisões com base na lei. Para sorte da sociedade, este organismo goza de uma merecida reputação de imparcialidade e autonomia, que nos permite esperar seu veredicto com confiança".

"Precisamos fortalecer a convivência pacífica em nosso país, porque quando esta se destrói causam enormes sofrimentos a todos, mas principalmente aos que menos têm", acrescentaram.


Líder dissidente cristão denuncia perseguição de Governo cubano

HAVANA, 21/07/2006 (ACI).- O Presidente do Movimento Cristão Libertação (MCL), e promotor do Projeto Varela, Oswaldo Payá, denunciou os atos de agressão que nas últimas semanas o Governo montou em frente a sua casa, em represália à elaboração do Programa Todos Cubanos, fruto do Diálogo Nacional que procura mudanças democráticas na ilha.

Através de um comunicado, Payá relatou que a perseguição por parte de agentes de segurança se iniciou no domingo 9 de julho, depois que o Presidente do MCL e sua família retornavam de Missa. O texto relata que em frente à sua casa penduram cartazes gigantescos que o acusavam de traidor e o ligavam ao bloqueio econômico que a ilha sofre, além de dezenas de pessoas "concentradas ali pelo Partido Comunista, todos em atitude provocativa".

"Tudo indica que as provocações e o assédio continuarão e que haverá mais cartazes como cenário de fundo para desenvolver o teatro de abuso e covardia ordenado pelo Governo", adverte Payá.

Payá explica que "esta ação covarde e de terror é uma represália contra minha família", depois que no dia 10 de maio o MCL anunciou o Programa Todos Cubanos, que "é fruto do Diálogo Nacional e reflete os desejos de mudanças democráticas que têm os cubanos e é uma alternativa pacífica que o Governo não se atreve nem a mencionar".

Além disso, indica, as autoridades comunistas procuram "transferir o ambiente da guerra de cartazes" que há em frente à embaixada dos Estados Unidos "para a casa da minha família, usando covardemente todo o poder e a baixeza que possuem para persegui-la".

O objetivo é reprimir o Programa Todos Cubanos sob o "cenário de guerra virtual com os Estados Unidos", fazendo uma guerra real contra quem trabalha por mudanças pacíficas em Cuba.

Para mais informação sobre o Programa Todos Cubanos e o Projeto Varela, visite o site MCL na Internet: http://www.mclpaya.org/


Arcebispo da Galiléia: Cristãos árabes estão "paralisados e abandonados"

KONIGSTEIN, 21/07/2006 (ACI).- O Arcebispo católico de rito Melquita na Galiléia, Dom Elías Chacour, assinalou esta sexta-feira que os cristãos árabes em território israelense e palestino se encontram completamente isolados e abandonados a raiz do conflito que afeta o norte do Israel, o Líbano e os territórios palestinos.

Em uma chamada de emergência à instituição “Ajuda à Igreja que Sofre” (AIS), Dom Chacour revelou que “toda a região da Galiléia está virtualmente paralisada: não há trabalho, não há circulação e as pessoas ficam em casa esperando que lhes chegue ajuda ou a que caia um míssil”, explicou o Arcebispo, que tem sob sua jurisdição aos cristãos árabes de Akka, Haifa, Nazaré e Galiléia.

O Arcebispo assinalou que nas diversas aldeias da região existe um número importante de cristãos árabes que se viram afetados especialmente pelos foguetes lançados pela guerrilha muçulmana Hezbollah do sul do Líbano.

“A maioria de nossos irmãos e irmãs judeus têm refúgios anti bombas, que não existem nas aldeias árabes, ou outros escapam a Tel Aviv, coisa que não é possível para nós os árabes”, explicou o Prelado.

Dom Chacour pediu a AIS ajuda para atender de emergência 30 famílias que se viram diretamente afetadas pela destruição de suas casas ou em sua saúde.

“Nunca imaginei que chegaria o dia em que deveria realizar este pedido de emergência, uma espécie de SOS para nós, os cristãos na Galiléia. Somente desejamos enxugar as lágrimas das crianças e dos pais nestes momentos difíceis”, disse finalmente o Prelado em seu pedido a AIS, que foi imediatamente atendido pela organização caridosa católica.


Empresa de TV a cabo se soma a propaganda anti-vida com documentário abortista

WASHINGTON DC, 21/07/2006 (ACI).- Esta semana a cadeia de TV a cabo Cinemax se uniu à campanha a favor do aborto, com a transmissão por um mês de um polêmico documentário que mostra o caso de uma menina de nove anos que resultou grávida em uma violação e os esforços de sua família por fazê-la abortar.

O documentário se titula "Rosita" e se apóia na história real de uma menor nicaragüense que no ano 2002 foi violada na Costa Rica e cujos pais –com apoio de organizações anti-vida– a fizeram abortar em seu país de origem, quando tinha quatro meses de gestação.

Entretanto, a produção distorce os fatos ao tomar partido pelos grupos que violaram a lei de Nicarágua, desconheceram a decisão da Ministra de Saúde e evitaram as recomendações dos médicos que então examinaram à menor e concluíram que o mais recomendável era que seguisse com sua gravidez e desse a luz.

Como ocorreu na Bolívia esta semana, os promotores do aborto em Nicarágua tomaram o caso de Rosita para promover a legalização desta prática. Operaram do mesmo modo: não contavam com o apoio das autoridades, por isso burlaram a lei e facilitaram o aborto em uma clínica privada.

As produtoras da cinta, Barbara Attie e Janet Goldwater, argüem que "Rosita," mostra a luta de uma família contra "as forças anti-aborto que querem tomar o controle da vida da menina e forçá-la a suportar a quem a agrediu", como se o bebê morto no aborto fora culpado da violação.

O documentário ataca aos distintos membros da Igreja em Nicarágua, o pessoal médico e os políticos que se opuseram ao aborto.

"Rosita" já foi mostrado no Capitólio dos Estados Unidos como parte da agenda abortista de instituições abortistas como IPAS e agora chega ao hemisfério com o apoio de Cinemax.

Para protestar pela transmissão desta cinta, pode ingressar na zona de atenção ao cliente no sítio Web de Cinemax para a América Latina: http://www.cinemax-la.tv


Presidente Bush veta lei que destinava recursos para pesquisa com embriões nos EUA

WASHINGTON DC, 21/07/2006 (ACI).- O Presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, vetou a chamada lei de células-tronco que teria permitido destinar recursos do governo a experimentos que implicam a destruição de embriões humanos.

Ao conhecer a notícia, o cavaleiro supremo da organização católica Cavaleiros de Colombo, Carl A. Anderson, agradeceu ao mandatário o veto e lembrou que "é profundamente imoral criar uma vida humana para destruí-la, seja qual for o benefício teórico que se obtenha disso. Os benefícios reais provêm da pesquisa com células-tronco adultas, que já produziram dúzias de terapias para uma grande variedade de doenças".

Do mesmo modo, Anderson precisou que "cada vida humana, sem importar quão pequena seja, deve ser protegida pela lei. Infelizmente, nos Estados Unidos a destruição de um não nascido é perfeitamente legal, quer seja em um laboratório ou em uma clínica" e acrescentou que teria forçado aos contribuintes "a pagar por sua destruição, e isso é excessivo".

"O Presidente Bush fez o correto ao vetar esta medida e parece que não será combatido. Os Cavaleiros do Colombo, uma das maiores organizações do mundo, apreciamos sua ação e insistimos aos membros do Congresso a concentrar-se na pesquisa com células-tronco que não viola a dignidade humana elementar", finalizou.


Histórico líder libanês se reúne com Cardeal Sodano para pedir cessar-fogo

ROMA, 21/07/2006 (ACI).- O deputado libanês Saad Hariri, filho do famoso ex-Primeiro Ministro assassinado Rafik Hariri,  reuniu-se nesta quinta-feira com o Cardeal Angelo Sodano, Secretário de Estado do Vaticano, para pedir mais ajuda à Santa Sé para um cessar-fogo no Líbano após os ataques de Israel.

"Hariri pede a todos que se envolvam para que cesse o fogo", explicou o Embaixador do Líbano na Santa Sé, Abi Assi Naji.

O deputado realiza uma visita por várias capitais da Europa para pedir urgentes medidas diplomáticas para conseguir o fim dos ataques.


Arcebispo Milingo e Dan Brown estariam prestes a trabalhar juntos

WASHINGTON DC, 21/07/2006 (ACI).- O controvertido arcebispo Emmanuel Milingo, que recentemente anunciou seu retorno à seita Moon e o abandono da Igreja Católica, estaria prestes a iniciar um acordo de "cooperação" com Dan Brown, o autor de "O Código Da Vinci".

Segundo fontes da imprensa norte-americana, Milingo chegou aos Estados Unidos com um visto de estudos por seis meses quando realizou, na semana passada, uma polêmica entrevista coletiva anunciando sua decisão de começar a coabitar com sua "esposa" coreana, membro da seita Moon.

As mesmas fontes revelam que Milingo está para se reunir com Brown em um hotel perto das Cataratas de Niágara para discutir a possibilidade de tornar-se "assessor teológico" do autor inglês em um livro sobre demônios e exorcismo.

O ex-arcebispo de Zâmbia se fez famoso na Itália com seus ritos de exorcismo. O caráter muito histriônico destes ritos levaram ao primeiro desencontro entre Milingo e a Santa Sé.


Nova campanha oficial de saúde sexual não deterá aumento de abortos, assegura o IPF

MADRI, 21/07/2006 (ACI).- Com o lançamento de uma nova campanha de saúde sexual centrada no uso do preservativo apresentada ontem pelo Ministério da Saúde, o presidente do Instituto de Política Familiar (IPF), Eduardo Hertfelder, denunciou a histórica ineficácia desta medida para frear o aumento do número de abortos e exigiu a drástica reorientação das políticas sanitárias e educativas.

Conforme explica Hertfelder em um comunicado, "insistir em medidas tresloucadas e fracassadas historicamente constatam o fracasso do Ministério da Saúde para consertar o drama do aborto" e constata sua "nula vontade política de solucionar esta problemática".

"Seguir insistindo em soluções esgotadas não é, portanto, a solução eficaz", continua o presidente do IPF, para quem "não basta com que se repitam as já conhecidas e tristemente ineficazes e tresloucadas mensagens públicas sobre educação sexual, uso de preservativos ou utilização de anticoncepcionais, que se demonstraram incapazes de conter essa maré crescente de falecimentos por aborto na Espanha mas sim provocaram, inclusive, o aumento do número de abortos.

No texto, o Instituto lembra que o aborto se converteu, junto com o câncer, na primeira causa de mortalidade na Espanha, onde em 2005 ultrapassaram já os 90 mil abortos, quer dizer, 250 em apenas um dia. Segundo previsões do IPF, em 2007 chegará a 100 mil abortos anuais. "Em definitiva, assistimos a uma verdadeira explosão do fenômeno em nosso país", afirma. Por isso, Hertfelder, propõe "ir com audácia à raiz do problema: não deixar a mulher sozinha diante da solução fácil, mas dilaceradora do aborto".

Com o fracasso das medidas oficiais, o IPF propõe o desenvolvimento de uma política preventiva que gire ao redor de quatro eixos: "a sensibilização e conscientização sobre a importância e o valor pessoal e social da natalidade, a gravidez e a maternidade; o aumento dos recursos públicos tanto de organismos como de dotações orçamentárias; a implantação de medidas de apoio destinados à mulher grávida; e uma Política de Informação à mulher grávida".


Carmelitas do Monte Carmelo: "Que as autoridades escutem a voz de Deus"

JERUSALÉM, 21/07/2006 (ACI).- Por ocasião da festa do Profeta Elias, que habitou no Monte Carmelo, localizado junto à castigada cidade israelense de Haifa, as Carmelitas deste histórico lugar onde surgiu a ordem comtemplativa lançaram uma invocação ao mundo para que "os grandes da política" escutem a voz de Deus.

"Pedimos a oração de todos para que os grandes da política escutem a voz de Deus, de nosso Deus de paz, o Deus de Jesus Cristo", dizem as religiosas da comunidade, ao celebrar 2800 anos em que o profeta Elias foi chamado por Deus ao Monte Carmelo.

Elias, dizem as religiosas "une a todos os crentes de nossas diversas religiões, judeus, cristãos, muçulmanos e drusos".

"Sentimos poderosamente sua intercessão, principalmente agora que a região do Monte Carmelo e o Líbano são um só, sob as ameaças dos mísseis, que há cinco dias caem intermitentemente, paralisando a vida e a atividade normal, mas sem nos desanimar", assinala a carta.

"Nossa vida segue confiada na ajuda do Senhor, com as alterações inevitáveis ao soar das sirenes, cada vez que se prevê um ataque e que deixa tempo apenas para procurar os lugares mais seguros do mosteiro, certamente não nossas celas, todas expostas, voltadas para o mar, do qual chegam intermitentemente os ‘presentes’ que semeiam mortos, destruição, feridos e temor", indicam.

Na carta, as religiosas acrescentam que "o céu tão belo e azul, é riscado quase continuamente por aviões de guerra, rumo ao Líbano, este país tão hospitaleiro e cristão, uma vez mais cenário da guerra".

"Isto é o que estamos vivendo, enquanto pedimos a oração de todos", conclui a carta das religiosas.


Campanhas de saúde sexual devem se basear na responsabilidade sexual e não em preservativos, diz FEF

MADRI, 21/07/2006 (ACI).- Depois da constatação da ineficácia das campanhas preventivas de saúde sexual que insistem no uso do preservativo e que não obtiveram, segundo dados do Ministério da Saúde, deter o vertiginoso aumento do uso da pílula do dia seguinte, as doenças sexualmente transmissíveis e os abortos na Espanha, o Foro Espanhol da Família (FEF) propôs a "educação em liberdade e responsabilidade pessoal".

"Agora que está se desenvolvendo a LOE e se fala do ensino em valores, é a grande ocasião para mudar a pedagogia da irresponsabilidade sexual impulsionada pelas Administrações publicas há anos para insistir que todos somos donos de nossos atos e também do uso que fazemos de nosso corpo", assinalou o vice-presidente do Foro, Benigno Blanco, um dia depois do Ministério da Saúde ter apresentado uma nova campanha de saúde sexual que tem como base o uso do preservativo.

Através de uma nota de imprensa, o FEF afirmou que "a cada ano milhares de mulheres, -em sua maioria adolescentes-, vêem-se atiradas ao abuso da pílula do dia seguinte, possíveis gravidezes não previstas e doenças de transmissão sexual. Tudo isto demonstra que as campanhas de uso do preservativo aumentam justamente os efeitos que querem evitar".

Ao insistir que "a única política preventiva está na educação e o respeito à liberdade individual", o Foro lembrou que a sexualidade "deve ser exercitada com responsabilidade, tendo em conta suas conseqüências, conforme critérios éticos razoáveis".

"Se as administrações públicas e o sistema educativo junto com certa publicidade sexista continuam incentivando a promiscuidade sexual desde a adolescência, o número de gravidezes imprevistas será incontrolável, e tudo o que isso acarreta", concluiu Blanco.


Igreja no Chile rezará pela paz no Oriente Médio neste final de semana

SANTIAGO, 21/07/2006 (ACI).- A Conferência Episcopal do Chile (CECH) informou através de um comunicado que neste final de semana todas as paróquias e igrejas do país rezarão pela paz no Oriente Médio, em resposta ao pedido que o Papa Bento XVI fez para rezar por esta intenção.

Na missiva com data 20 de julho, emitida pelo departamento de comunicações e jmprensa da CECH, os prelados recordam as palavras de Bento XVI quando afirmou que "na origem destas oposições desumanas há, infelizmente, situações objetivas de violação do direito e da justiça" e manifestou que "nem os atos terroristas nem as represálias, sobretudo quando existem trágicas conseqüências para a população civil, podem se justificar".

Do mesmo modo, indicam que "o Papa levou seu pensamento ao Monte Carmelo, da Terra Santa, a poucos quilômetros do Líbano, e faz alguns dias quis colocar a prece pelo dom da paz nas mãos de Maria, sob a invocação da Virgem do Carmo, nossa querida Mãe do Chile".

Finalmente a CECH "convida os fiéis católicos do Chile a pedir à Virgem Maria, Rainha da Paz, que implore a Deus o dom fundamental da concórdia, que ilumine as autoridades das nações para que prime a razão e se abram novas possibilidades de diálogo e de entendimento".


Arcebispo pede incluir perspectiva espiritual em nova lei de educação argentina

BUENOS AIRES, 21/07/2006 (ACI).- O Arcebispo de Bahia Blanca e Presidente da Comissão Episcopal de Educação Católica, Dom Guillermo Garlatti, pediu que a perspectiva espiritual e transcendental do ser humano esteja dentro da nova Lei de Educação Nacional, para assegurar "uma visão integral do homem e da educação".

O Prelado assinalou que os católicos não podem estar ausentes no debate da nova legislação educativa, "por dever de consciência e por nossa responsabilidade desde nossa identidade, baseada no Evangelho".

Do mesmo modo, durante a inauguração de um curso para docentes e diretores, organizado pelo Conselho Superior de Educação Católica (CONSUDEC), Dom Garlatti explicou que "a educação é uma tarefa muito difícil, pois pressupõe obter uma afinidade espiritual com aqueles aos quais nos dirigimos".

Destacou que "a tarefa educativa é bela e nobre, pois nos permite ir em busca da verdade e do bem", mas também arriscada, "porque estamos lidando com valores como os afetivos, os sentimentos e o espiritual".

Finalmente, assinalou que a educação deve estar sustentada no amor a Deus e ao próximo, trabalhando com esperança e confiança no Pai e nos alunos.


"Católicas pelo Direito a Decidir" alugam escritório em edifício eclesial brasileiro

SÃO PAULO, 21/07/2006 (ACI).- A polêmica organização feminista abortista autodenominada "Católicas pelo Direito a Decidir" (CDD) alugou um amplo local em um edifício eclesiástico de propriedade da província carmelita de Santo Elias, causando estranheza e desconcerto entre os fiéis.

Os carmelitas alugaram todo o sexto andar do edifício ao grupo que se autodenomina católico, mas promove abertamente campanhas contra a fé e a hierarquia católica.

As CDD são agora vizinhas da sede da Regional Sul da Conferência Nacional de Bispos do Brasil (CNBB), que opera no quinto andar, e da sede da Conferência dos Religiosos do Brasil, que se localiza no sétimo.

As falsas católicas anunciaram recentemente o curso "Deconstrução dos tabus do pensamento católico historicamente construído", que ataca abertamente os ensinamentos da Igreja e que será oferecido no local carmelita.

As CDD afirmam que o curso "abordará questões que colocam em xeque o pensamento católico em relação à virgindade, o uso de métodos anticoncepcionais, maternidade como destino, homossexualidade e aborto".

Curiosamente convidaram para o curso professores universitários, líderes dos movimentos feministas, homossexuais, e também a agentes de pastoral da Igreja Católica.


Dois franciscanos seqüestrados e outros dois missionários protestantes libertados no Haiti

PORTO ALEGRE, 21/07/2006 (ACI).- Um franciscano e um jovem postulante foram seqüestrados ontem nesta cidade, informaram hoje fontes da Cúria Generalícia da Ordem; enquanto que dois missionários protestantes que também tinham sido seqüestrados já foram libertados, após o pagamento do resgate exigido por seus captores.

O centro-americano César Humberto Flores e outro jovem franciscano, não identificado até o momento, foram seqüestrados perto da zona popular desta capital, onde se encontra o convento.

Os captores já fizeram um primeiro contato para exigir o resgate pelos religiosos, e o Ministro geral da Ordem, José Rodríguez Caraballo, solicitou sua liberdade e o respeito de suas vidas.

Do mesmo modo, o FBI informou que os missionários protestantes, Tom Barron e William E. Seastrum, foram libertados ontem à noite após permanecer quatro dias em poder de seus captores e pagar um resgate de cem mil dólares, que originalmente tinha sido fixado pelos seqüestradores em 500 mil.

Os meios de comunicação locais registram o seqüestro de pelo menos sete estrangeiros nas últimas 48 horas em Porto Príncipe.


Pontificio Conselho publicará documento sobre a AIDS

VATICANO, 21/07/2006 (ACI).- O Pontifício Conselho para a Pastoral da Saúde publicará em breve um extenso documento sobre a Síndrome de Imunodeficiência Adquirida (AIDS), segundo anunciou o Cardeal Javier Lozano Barragán à imprensa italiana.

Em uma entrevista concedida ao jornal "Corriere della Sera" publicada na quinta-feira, o Purpurado mexicano explicou que  p documento, de 400 páginas, encontra-se em fase de revisão por parte de especialistas médicos, científicos, pastorais e morais.

"Nossa tarefa é expor a doutrina da Igreja sobre este mal, como pode ser curado, o que a Igreja está fazendo, como se previne e como ajudar o doente", disse o Cardeal Lozano, ao lamentar que o HIV, o vírus que provoca a AIDS, "lamentavelmente continua aumentando e é realmente urgente fazer algo a respeito".

"A Igreja –acrescentou- está inteiramente empenhada nesta frente,  27 por cento dos centros que se ocupam dos seropositivos são católicos".

O documento, segundo revelou o Cardeal, incluirá textos, ilustrações e tabelas sobre o vírus, a doença e a prevenção.

Preguntado sobre a posição da Igreja respeito à legitimação moral do preservativo, o Cardeal Lozano indicou que o documento refletirá o que a Igreja ensina a respeito; quer dizer, que não é um método legítimo para prevenir a gravidez, e que sua apresentação como meio para um  "sexo seguro", especialmente no caso da AIDS, é enganosa e perigosa para combater a difusão da epidemia.


RECOMENDAMOS »

Out
31

Católico em dia

31 de outubro de 2014

  • Você sabia que: O Colégio Cardenalício conta atualmente com 23 cardeais nomeados por Paulo VI, dos quais somente 10 têm menos de 80 anos.

Videos

Santo Antônio de Pádua
Santo Antônio de Pádua
San José de Anchieta
A falta de oração leva à mediocridade espiritual
Papa Francisco: Nem a doença, nem a morte, poderá nos separar de Cristo
O Papa: A Igreja é a casa da Alegria
A comunhão fraterna leva à comunhão com Deus, diz o Papa
O Papa no Encontro Mundial das Famílias: Viver a Reconciliação Sempre
Maria é modelo de caridade e união com Cristo, destaca o Papa
Francisco exorta a rezar sempre sem jamais cansar-se
Rezar e anunciar o Evangelho é tarefa de todo cristão, afirma Francisco
Deus, nossa força, nos surpreende e nos pede sermos fiéis
O verdadeiro cristão segue o Senhor até a Cruz
A fé é a respiração da alma
Papa Francisco sobre Naufrágio em Lampedusa: uma vergonha!
Deus sempre acompanha a humanidade ao longo da história
Bento XVI: Jesus nos mostra o rosto de Deus
Bento XVI recorda que devemos ser sinais da ação de Deus no mundo
Bento XVI: é urgente falar de Deus no mundo atual
Bento XVI: Deus não é um absurdo embora seja sempre um Mistério
Bento XVI fala de três vias para que o coração do homem chegue a Deus
O homem, mendigo de Deus: catequese de Bento XVI
A fé nunca é um ato puramente individual, destaca Bento XVI
Bento XVI: Não nos basta a ciência, é a fé que nos sustenta
Bento XVI: a plenitude humana consiste no amor
Missa de abertura do Ano da Fé

Podcast

Evangelho do dia

Lucas 24, 1-12

Evangelho
Data
03/30/14
03/29/14
03/28/14

Homilia do dia

Lucas 18,9-14

Homilia
Data
03/29/14
03/28/14
03/27/14

Mais Popular

  Assinar 
Cancelar Assinatura
  

Siga-nos: